Google+ Followers

Anúncio Google

quarta-feira, 29 de março de 2017

Jornal do Brasil diz que subsecretária municipal de transporte será demitida hoje - 29/03/2017

  Já passou da hora de sair, quem nunca deveria ter entrado.  


    Não passa de hoje   
Subsecretária de Transportes está com os dias contados
A escolha da merendeira Kelly Serra do Amaral para comandar a Subsecretaria de Gestão da Secretaria Municipal de Transportes gerou mal-estar entre profissionais da pasta. Indicada pelo secretário Fernando Mac Dowell, Kelly Amaral discutiu com integrantes da equipe e determinou que funcionários só se referissem ao titular da pasta como “vice-prefeito”, cargo que Mac Dowell também acumula. 

A subsecretária municipal de Transportes Kelly Serra do Amaral cometeu uma série de erros graves. Ela não é bacharel em direito, abandonou o curso no 8º período da Universidade Veiga de Almeida, para onde foi transferida em 2014, com a falência da UniverCidade, onde estudava. 

Faltando pouco mais de um ano para se formar, a aluna sumiu da instituição. Nem trancou a matrícula, o que lhe daria a oportunidade de concluir o curso depois. A informação foi confirmada pela Veiga de Almeida. 

No ano passado, ao se candidatar a vereadora pelo DEM, Kelly não apresentou diploma, histórico escolar ou certificado de conclusão ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ), mas estranhamente consta o bacharelado em direito na sua ficha cadastral.

A merendeira pode ser investigada pela Polícia Federal por falsidade ideológica, conforme determinou o procurador regional eleitoral do Rio, Sidney Madruga, que analisa o caso da candidata a vereadora pelo DEM em 2016. 

Em sua declaração ao TRE — em que assumia a responsabilidade pelos dados, observando que poderia responder judicialmente, caso não estivesse falando a verdade, — ela afirma que se formou em 2013 pela Universidade Gama Filho e que a informação poderia ser averiguada. A instituição de ensino, porém, sequer consta em seu histórico. 

Kelly Serra do Amaral está com os dias contados. Deve ser afastada ainda hoje.

NOTA DO BLOG

Manter essa senhora no governo, e ainda por cima num cargo para o qual ela não possui nenhum conhecimento técnico, é uma afronta ao cidadão da Cidade do Rio de Janeiro.

Já a questão da apresentação de documentos ou declarações inverídicas, das quais ela é acusada pela imprensa, parece ser caso de Polícia.

Um comentário:

  1. BOA TARDE

    PENSEI QUE ESSA SENHORA JÁ HAVIA SIDO DEMITIDA.

    Ela parece que tem mesmo muita força.

    Conseguiu, apesar de tudo ser nomeada, e agora ninguém consegue mandar embora.

    ResponderExcluir

Você é bem vindo e seu comentário e opinião muito importantes. Você é responsável pelo que escreve. Nos reservamos o direito de, detectado conteúdo ofensivo, injurioso, promotor de ódio ou propaganda irregular de produtos e serviços, deletar tais comentários. Agradecemos sua presença, volte sempre.