Google+ Followers

Anúncio Google

segunda-feira, 6 de fevereiro de 2017

PRIVATIZAÇÃO DA CEDAE RECEBE APOIO DE PREFEITO MARCELO CRIVELLA


Na manhã de hoje, durante inauguração do trecho do VLT que liga a Área do Saara até a Praça XV, o prefeito do Rio, Marcelo Crivella, foi perguntado pela questão da PRIVATIZAÇÃO DA CEDAE.

Essa é uma das imposições que o governo federal apresentou para manter o acordo entre a União e o governo do Rio, num pretenso movimento de ajuda para retirar o estado da crise financeira em que se encontra.

Segundo Crivella, "O Rio de Janeiro precisa ser ouvido". Para o Prefeito, noventa porcento da operação da Cedae é na Capital, e ele quer garantir a despoluição da Baía de Guanabara e das nossas lagoas, além da expansão do tratamento de esgoto. 

É isso o que estamos conversando com o governador PEZÃO, e não há intenção de criar dificuldades para o acordo costurado entre os governos federal e estadual. 

Crivella acredita que privatizar a CEDAE "é bom e importante para botar as finanças do ESTADO em dia".

4 comentários:

  1. JORNAL EXTRA IMPRESSO DO DIA 4,SABADO PASSADO.COLUNA BERENICE SEARA-CRIVELLA AMEAÇA CRIAR A SUA PRÓPRIA CEDAE.CRIVELLA CONTOU A UM GRUPO DE PREFEITOS QUE ESTÁ PENSANDO EM CRIAR A COMPANHIA MUNICIPAL DE ÁGUAS. E ESGOTOS - E LIBERTAR A CAPITAL DOS DOMÍNIOS DA VELHA E PESADA CEDAE.RENATA

    ResponderExcluir
  2. Aprendam a votar. O Crivella jamais deveria ter ocupado a prefeitura do Rj. Agora aguentem p massacre.

    ResponderExcluir
  3. BOM DIA

    Em pouco mais de um mê de mandato já está fazendo tudo diferente do que prometeu.

    Colocou o filho no governo.

    Loteou as antigas Regiões Administrativas entregando nas mãos de membros da UNIVERSAL boa parte delas.

    Já mostrou que não é confiável ao dizer e depois desdizer sobre coisas importantes.

    EuLuto

    ResponderExcluir
  4. Quero saber quando vai pagar a folha suplementar da prefeitura????

    ResponderExcluir

Você é bem vindo e seu comentário e opinião muito importantes. Você é responsável pelo que escreve. Nos reservamos o direito de, detectado conteúdo ofensivo, injurioso, promotor de ódio ou propaganda irregular de produtos e serviços, deletar tais comentários. Agradecemos sua presença, volte sempre.